segunda-feira, 11 de agosto de 2008

As nuvens passageiras


As nuvens passageiras que vem como os sonhos em noite de chuva
Assim são meus pensamentos por você que se rompem na chegada da lagrima
Fecho me sobre mim sem seu sorriso
Falo as frases de amor mais doce em meu interior
Não escuto mais seu canto que chega com o dia
Paro de pensar em seus sonhos mais sinto seu corpo sobre o meu
Escuto tudo que se diz sobre o amor sem palavras doces
Penso na fuga de mim
Vou partindo parado em meu lugar para o meu eu
Quero buscar respostas sobre a dor incerteza
Minhas palavras são palavras sem paixão
As vezes escuto seu olhar
As vezes penso em você sem saber onde estas
Esquecido sou eu em noites de verão
O frio vem sobre meu corpo tomando ele como seus braços
Aquele seu abraço dado já não sei quando
Espero sobre a lagrima seu sim
Espero como a noite espera o dia

Rodrigo szymanski

2 comentários:

butterfly disse...

apaixonadamente apaixonante... lindo... S2

caroline disse...

Oi meu anjo...

"Espero sobre a l�grima seu sim...
...Espero como a noite espera o dia"

Lindo...lindo...lindoooooo

Mil bjinhussss...Adoro-te!!!