quinta-feira, 15 de julho de 2010

Assim

E deste modo tudo se completa
Em meio ao vagante beijo não dado
O alvorecer de um descaso

O harmônico ruído de sua voz
Completa-me os enganos fatuais
Do que partiu e do que partira

Ao anoitecer me resta rememorar
Os desgostos e seu gosto adoçado
De um beijo despido pelo tempo

Como chegou, partiu
Um abraço caloroso me envolveu
Não sei como foi o principio de tudo
Hoje sei menos como findou

Rodrigo szymanski
15/07/10

Um comentário:

Fernando Freitas disse...

muito bom companheiro