terça-feira, 16 de junho de 2009

Meses sem te beijar

Teu sorriso de menina que desejo hoje e depois
Junto aos dias completos de minha vida
Tua boca tranqüila sem mentira que beijarei
Ao alongado de meus tempos
Distantes estas de mim
Entre a chuva ou sol
Meses sem te beijar
Encanto quando te reencontrar
Beijo te como se fosse sem cessar
Ecôo versos aos teus ouvidos
Pronunciar que amo
Desejo ficar só a te olhar
Em mim explode a júbilo de te abraçar
Menina mulher
Te amo como se os dias não sofrerem
Escuto teu peito pulsar
Beijo-te
No se despedir a confiança de te amar


Rodrigo Szymanski

Nenhum comentário: